ECG 26

Quais as alterações encontradas neste eletrocardiograma?

IMG_0693-0.JPG

Laudo:

– Ritmo sinoventricular (FC= 100bpm)

– Complexos QRS alargados com morfologia de ramo esquerdo

– Ondas T apiculadas em formato de tenda

Todas estas alterações sugerem o Hipercalemia como distúrbio hidroeletrolítico secundário.

Comentários

Este ECG foi realizado em serviço de urgência em um paciente com hipercalemia K=9,0 mEq\L. O que chama atenção neste ECG? Devido aos efeitos da hiperpolarização celular em cada miócito cardíaco teremos eletrocardiograficamente uma diminuição de amplitude da onda P tornando elas praticamente imperceptíveis, o que chamamos esse ritmo de sinoventricular. O prolongamento do QRS resulta da lentificação do impulso elétrico nas fibras do sistema de his Purkinge secundárias a hipercalemia. Proporcionamente aos níveis de potássio maior será  o alargamento do mesmo, o que vale também para a onda T, que com os níveis crescentes de potássio sérico ela vai tornando-se cada vez mais apiculada.

Anúncios

3 respostas em “ECG 26

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s